POEMA Nº1

Sobre os corpos descobertos

A casca de tinta
das paredes velhas
camufla o último grito
de criança louca
– uma nuvem
entre os que aguardam
na selvagem descoberta
e o que vai chegar
para sempre
indefinido.
Jamais houve romance
nos olhos
de alguém.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: